Qual é a diferença entre uma auditoria simultânea e uma auditoria interna?

A auditoria simultânea é feita com a transação. Assim que a transação é aprovada, a auditoria é concluída. Geralmente, essa auditoria é feita quando o volume de transações é tão grande que é necessário auditar junto com o processamento das transações. Geralmente, os bancos realizam auditorias simultâneas.

A auditoria interna é realizada em intervalos regulares e em nome da gerência. O auditor pode ser da empresa ou de qualquer auditor externo. Seu escopo de trabalho é fixo e eles se concentram mais na localização de erros, controle interno etc. As auditorias são realizadas em intervalos como final de trimestre ou mês.

Conceitualmente, a auditoria simultânea e a auditoria interna são semelhantes. Ambas são auditorias destinadas a ajudar a administração da entidade a ser auditada na tomada de decisões, a opinar sobre a eficácia e eficácia dos controles internos, procedimentos seguidos pela entidade auditada e assim por diante.

De acordo com meu conhecimento, a única diferença é que as auditorias simultâneas são contínuas e contínuas, conforme sugerido pela palavra simultânea. As auditorias simultâneas são realizadas simultaneamente com as operações da entidade auditada, enquanto as auditorias internas podem ser periódicas.

• A auditoria simultânea é um exame sistemático e oportuno das transações financeiras regularmente, para garantir precisão, autenticidade, conformidade com procedimentos e diretrizes. A ênfase na auditoria simultânea não está na verificação de teste, mas na verificação substancial de transações.

O conceito de Auditoria Concorrente foi introduzido para reduzir o intervalo de tempo entre a ocorrência das transações. É um processo de gestão que integra o estabelecimento de funções contábeis internas e controles efetivos e define o tom de uma auditoria interna vigilante para impedir os incidentes de erros serios e manipulações fraudulentas.

O foco principal durante a realização da Auditoria Simultânea é garantir que as transações estejam em conformidade com os sistemas e procedimentos estabelecidos. Qualquer violação do procedimento é revelada.

• A auditoria interna é uma profissão dinâmica envolvida em ajudar as organizações a alcançar seus objetivos. Ela se preocupa em avaliar e melhorar a eficácia dos processos de gerenciamento de riscos, controle e governança em uma organização.

É uma atividade de consultoria e garantia objetiva e independente, projetada para agregar valor e melhorar as operações de uma organização. Ajuda uma organização a atingir seus objetivos, trazendo uma abordagem sistemática e disciplinada para avaliar e melhorar a eficácia dos processos de gerenciamento de riscos, controle e governança.

A principal responsabilidade do auditor interno é avaliar a estratégia e as práticas de gerenciamento de riscos de uma entidade, estruturas de controle de gerenciamento (incluindo TI) e processos de governança. Os auditores internos não expressam uma opinião sobre as demonstrações financeiras da entidade.

Auditoria simultânea e auditoria interna têm natureza semelhante e são iniciadas pela própria gerência.

Diferença entre os dois:

1.A auditoria simultânea é a auditoria regular de qualquer transação, enquanto a auditoria interna é uma auditoria periódica.

2. No relatório de auditoria simultânea pode não estar lá, mas no relatório de auditoria interna está sempre lá.

3.A auditoria simultânea é conduzida por um revisor oficial de contas independente, enquanto a auditoria interna é conduzida pelo departamento de auditoria interna.

Tudo de bom para o futuro :)