Qual é a diferença entre os códigos das companhias aéreas iata e icao? e qual é usado no atc?

Os códigos ICAO são usados ​​por todas as entidades civis em operação real. Os códigos das companhias aéreas são de 3 letras.

Os códigos IATA são usados ​​no transporte aéreo, no uso comercial. Isso transborda, mas apenas levemente, para as operações de vôo reais. Os códigos das companhias aéreas são 2 letras ou letra e número combinados.

O ATC usa códigos ICAO ou, até certo ponto, códigos FAA nos EUA (que são um pouco diferentes).

A IATA é uma organização comercial para o setor de companhias aéreas / viagens e não é reguladora. Os códigos de companhia aérea e aeroporto da IATA são usados ​​pelas companhias aéreas para fins comerciais. Estes são os códigos que os funcionários e passageiros das companhias aéreas estão acostumados a ver.

A ICAO é uma agência das Nações Unidas e, embora não seja reguladora, na prática, tem força de regulamentação porque a maioria dos países adotou os padrões da OACI. O uso dos padrões da ICAO possibilita a integração da indústria aeronáutica de um país com a comunidade internacional.

Uma companhia aérea não precisa ser membro da IATA (a Southwest Airlines não é). No entanto, essas companhias aéreas ainda costumam receber um identificador IATA (da Southwest é WN). A conformidade ou não de uma companhia aérea com a ICAO depende das leis do país de bandeira (casa). Nos EUA, isso praticamente significa que as companhias aéreas são compatíveis com a ICAO, já que os EUA são líderes do setor e muitas regras da ICAO são baseadas na lei da aviação dos EUA. Se uma companhia aérea realiza vôos internacionais, você pode ter praticamente certeza de que é compatível com a ICAO.

O Controle de Tráfego Aéreo quase sempre usa os padrões da ICAO, incluindo códigos de companhias aéreas e aeroportos. Nos EUA, os códigos ICAO são usados ​​exclusivamente, exceto quando um operador ou aeroporto não possui um identificador ICAO. Então, códigos aprovados pela FAA são usados.

O sistema de identificação de aeroporto de 4 caracteres e de 3 caracteres da ICAO permite códigos suficientes para um sistema de identificação mundial. O sistema da IATA não possui códigos suficientes disponíveis para acomodar esse sistema e apenas identifica aeroportos / companhias aéreas que considera significativos para a aviação comercial internacional.

Os códigos ICAO são usados ​​para os aspectos técnicos das operações da companhia aérea. É um identificador de três letras da companhia aérea, exclusivo para cada companhia aérea. O código identificador IATA é usado para todo o resto, como marketing e bilhética. Os códigos IATA geralmente têm duas letras. Às vezes, uma letra é seguida por um dígito. O que você vê normalmente em suas etiquetas de bilhete e bagagem é o código IATA.

Os pilotos inserem o identificador ICAO de três letras da companhia aérea, seguido pelo número do voo no transponder e no FMS antes de cada voo, para que o tráfego aéreo possa descobrir a companhia aérea usando o equipamento disponível. Algumas companhias aéreas têm um código ICAO bastante diferente do código IATA. Alguns exemplos incluem;

Emirados - IATA = EK, ICAO = Emirados Árabes Unidos

Cingapura - IATA = SQ, ICAO = SIA

Sri Lanka - IATA = UL, ICAO = ALK

Você notou alguma coisa nesses códigos da ICAO. Bem, se você olhar com cuidado, faz muito sentido. No caso da Emirates, o código significa Emirados Árabes Unidos, o código de Cingapura representa as companhias aéreas de Cingapura e, no caso do Sri Lanka, o código representa a Air Lanka.

Também acho muito interessante o código ICAO da minha companhia aérea (Maldivas). É muito único e não tenho certeza de quantas companhias aéreas o possuem. Nosso código é DQA. Significa 'Dhivehi Qaumee Airline', que significa literalmente a companhia aérea nacional das Maldivas. Achei realmente incrível e estou muito orgulhoso de ter o código ICAO da companhia aérea definido em nosso próprio idioma.