Qual é a diferença entre indivíduos e famílias

Uma família desempenha uma função econômica.

A economia considera principalmente as famílias como uma unidade de consumo. O estrategista de vendas planeja suas vendas com base no consumo das famílias. As pesquisas por amostra também consideram as famílias como um centro de consumo. Isso ocorre porque uma família compra bens e serviços para consumir juntos, e não individualmente. Então, esses são consumidores domésticos.

No entanto, as famílias desempenham as funções econômicas de agregar valor aos bens e também prestar serviços. Isso faz a diferença para a economia do país. Se uma população consiste em indivíduos solteiros vivendo separadamente, boa parte do tempo é gasta nas tarefas domésticas. Esses serviços são compartilhados se os indivíduos moram juntos como uma família. Isso dá mais produtividade a outros membros da família. Então aqui vemos que as famílias também são uma unidade de produção. Funções como cuidado infantil, preparação de alimentos precisam de conhecimento e experiência e são equivalentes em termos econômicos ao trabalho. Portanto, temos famílias produtoras que geram valor cuidando de si mesmas. O simples ato de fazer uma refeição para quatro pode ser avaliado em termos de dinheiro. Seria a diferença entre o custo das quatro refeições em um restaurante e o custo dos insumos usados ​​para fazer a refeição.