Quais são as diferenças observacionais entre as supernovas do tipo 1 e do tipo 2?

1

A diferença básica entre as supernovas Tipo I e Tipo II é que as supernovas I têm baixo teor de hidrogênio e têm uma curva de luz semelhante em forma à de uma nova e as II são ricas em hidrogênio e têm uma saliência característica na curva de luz alguns meses após o máximo.

A diferença básica entre as supernovas tipo Ia e tipo 1b, 1c e II é que as supernovas Ia são objetos compactos (anãs brancas) no início e precisam se expandir muito antes de atingir seu brilho máximo. Além disso, a maior parte da luz das supernovas Ia vem da decomposição do níquel-56 e do cobalto-56 radioativos, que são produzidos em quantidades muito maiores (5-6X) do que as produzidas em outras supernovas (tipos de colapso do núcleo). As supernovas de colapso do núcleo atingem o brilho máximo mais rápido e, em seguida, desaparecem lentamente. As supernovas do tipo Ia ganham brilho lentamente à medida que se expandem e, a seguir, mantêm seu brilho de pico por um período mais longo.

Quais são as diferenças observacionais entre as supernovas do Tipo 1 e do Tipo 2?