Melhor que a alternativa

Sua interpretação básica é que continuar a viver é melhor do que a alternativa à vida, ou seja, a morte.

Como alguém que está mais perto da velhice do que da infância, descobri que há um lado mais filosófico em seu significado. A velhice eventualmente acaba em sua alternativa - é apenas uma questão de quando. É questionável se a morte em algum ponto se torna a alternativa mais desejável, simplesmente porque o fardo crescente de viver se torna muito grande.

Em uma nota mais leve, um ditado equivalente mais colorido é: é melhor estar do lado direito do verde. Aqui, o verde representa o gramado verdejante que é colocado sobre sua sepultura. Melhor estar por cima olhando para baixo do que por baixo "olhando" para cima.

Obrigado pelo A2A.